17.9 C
Pontevedra
Xoves, 5 de Agosto de 2021
Máis
    HomeComarcasAlén da RaiaOito concertos são destaque do ‘Vi(m)ver Cerveira’ 2021

    Oito concertos são destaque do ‘Vi(m)ver Cerveira’ 2021

    Perante um verão ainda atípico, devido à Covid-19, Vila Nova de Cerveira consegue readaptar-se e manter a excelência do programa ‘Vi(m)ver Cerveira’, em segurança. São oito concertos e mais quatro eventos diversificados que prometem devolver alguma normalidade à dinâmica cultural, cumprindo rigorosamente as orientações emanadas pela Direção-Geral de Saúde.

    Os concertos de verão são o grande destaque pela qualidade dos artistas e pela quantidade. A edição 2021 do ‘Cerveira Acústica’ e das ‘Noites de Fado’ apresenta quatro fins-de-semana com oito espetáculos musicais, aqueles que tiveram de ser adiados em 2020 e os do corrente ano. Em julho, o ‘Cerveira Acústica’ conta com Miguel Araújo (16), António Zambujo (17), Ana Bacalhau (23) e Pedro Abrunhosa & Comité Caviar (24), e em agosto canta-se o fado com Marco Rodrigues (6), Katia Guerreiro (7), Sara Correia (13) e Aldina Duarte (14).

    As novidades não se ficam por aqui, pois os condicionalismos epidemiológicos obrigaram à implementação de um conjunto de medidas excecionais. A mais relevante prende-se com o local dos concertos pois, de acordo com Resolução Conselho Ministros n.º 70-b/2021 para a Programação ao Ar Livre, no ponto 71, “a ocupação máxima do espaço pelos clientes, preferencialmente com lugares sentados, deve ser calculada com base na equação de 1 pessoa por 20m2”, além do uso obrigatório de máscara e do distanciamento físico. Neste sentido, foram ponderadas várias opções, nomeadamente o Auditório Municipal que ficaria condicionado a 70 lugares, os Jardins da Piscina Municipal para 110 lugares ou a Praça Alto Minho com 70 lugares.

    Após reflexão e alcançados os pareceres técnicos e de saúde pública favoráveis, o Centro Municipal de Atletismo afigurou-se como a escolha mais correta, tendo em conta a dimensão do espaço e o fato de acolher quase 1000 pessoas, além de garantir todas as condições de segurança necessárias.

    A partir do dia 1 de julho, os bilhetes estarão à venda na Loja Interativa de Turismo e na Plataforma Eurocidade Online (eurocidadecerveiratomino.eu), ou no próprio dia no local dos concertos, a 7€ o bilhete individual. Nesta vertente, também há novidades, com a venda de packs, o ‘Acústico’ e o ‘Fado’, a 20€ cada.

    O ‘Vi(m)ver Cerveira’ 2021 conta ainda com mais quatro eventos, nomeadamente o XVII Dancerveira – Festival Internacional de Dança de Vila Nova de Cerveira, de 1 a 4 de julho, no Centro Municipal de Atletismo; o inovador UMBRA – Festival Internacional de Artes e Multimédia, de 9 a 11 de julho, que, através de instalações luminosas desenvolvidas por artistas e arquitetos nacionais e internacionais, constitui-se como uma oportunidade única para conhecer espaços singulares do concelho; o ‘O Crochet sai à Rua…em Cerveira – 2021’, que de 23 de julho a 30 de dezembro, apresenta-se a rigor (como sempre) e adaptado à temática dos 700 anos, com 13 quadros/cenários minuciosamente elaborados em crochet, com episódios singulares que escrevem a história de Cerveira durante a época medieval, um dos quais a ‘Assinatura do Foral atribuído a Vila Nova de Cerveira em 1321, por Rei D. Dinis’; e o XV Festival de Bandas de Música, com cinco bandas de música convidadas, agendado para 19 de setembro.

    De salientar que Vila Nova de Cerveira está a assinalar, em 2021, os 700 Anos da Fundação, com a atribuição do foral por El Rei D. Dinis, a 1 de outubro de 1321, pelo que para dignificar tão memorável efeméride, o Município de Vila Nova de Cerveira tem uma programação condizente e representativa da identidade, sob o slogan “700 Anos a fazer História”.

    COLABORACIÓNS

    O Morrazo e O Salnés, éxito asegurado

    Con motivo del día de la patria gallega esta publicación está dedicada a nuestra mágica tierra. “Miña terra galega, donde el cielo es siempre gris” cantaba Siniestro Total allá por los 80.

    Santiago Lopo, «A carteira»

    Santiago Lopo volve a sorprendernos cunha novela na que demostra a súa habilidade para conxugar unha chea de elementos que semellan dispares e que, baixo a súa pluma, combinan á perfección, e facelo dun xeito ameno sen que iso signifique deixar de lado nin a fondura de pensamento nin certa capacidade reivindicativa.

    Clafoutis, un postre clásico francés a base de cerezas

    Os presento uno de los postres más conocidos de la repostería francesa, el Clafoutis. Un postre sencillo, con una elaboración y una combinación de ingredientes que le dan una textura y sabor exquisitos. La combinación de almendra y cereza veréis que es realmente deliciosa.

    Colaboradores

    Alberto Aliaga Sola
    8 POSTS0 COMMENTS
    Ángel Covelo
    6 POSTS0 COMMENTS
    Bea Sanfa
    3 POSTS0 COMMENTS
    Manrique Fernández
    43 POSTS0 COMMENTS
    Paz de la Peña
    34 POSTS0 COMMENTS
    Ricardo Canosa Bastos
    1 POSTS0 COMMENTS
    Roberto Mera
    2 POSTS0 COMMENTS